NOTÍCIA

OAB Niterói entrega carteiras a novos advogados e estagiários Direito. Solenidade teve como paraninfa Rita Cortez

A OAB Niterói, presidida por Pedro Gomes, promoveu, no dia 18 de agosto, mais uma solenidade de entrega de carteiras a novos advogados e estagiários de Direito, tendo como paraninfa Rita Cortez, ex-presidente por dois mandatos consecutivos e membro honorário do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB).

Realizada no auditório da sede, a cerimônia foi conduzida por Pedro Gomes e Alessandra Ribeiro Guimarães, conselheira e presidente da Comissão de Seleção e Inscrição. Compuseram também a mesa, Daniel de Aquino, presidente da Comissão de Celeridade Processual; Jorge Luiz de Souza Pereira, presidente da Comissão Especial de Gestão de “Coaching” Jurídico;  Daiane Mozer, delegada da Comissão de Acesso à Justiça Federal; Eduardo Costa, presidente da Comissão de Diversidade Sexual e de Gênero; Ariete Campelo, presidente da Comissão de Direito Sistêmico, e Carolina de Campos Machado, vice-presidente da Comissão dos Direitos da Pessoa com Deficiência.

Pedro Gomes abriu a solenidade com uma exaltação:

 “Aos novos advogados, advogadas, estagiários e estagiárias presentes, devo dizer que a nossa profissão é nobre e direcionada para quem tem coragem. Para ter êxito na advocacia é necessário não esmorecer. É difícil, é complicado, mas extremamente gratificante. Acredito que o sucesso chega. Basta acreditar, se dedicar, lutar e jamais deixar de sonhar. Falo isto por experiência própria.”

Ele convidou os jovens a fazerem parte dos movimentos da Ordem, dizendo “sejam muito bem-vindos à nossa Casa do Advogado. Espero que frequentem nossa instituição e conheçam os serviços oferecidos”, e lembrou que a ESA oferece cursos com o objetivo de capacitar e atualizar os advogados para melhor atuarem, também apresentando novas áreas de Direito que não foram incluídas no currículo das faculdades.

A presidente da Comissão de Seleção e Inscrição, destacou:

“Tenho grande satisfação de cumprimentar a todos. Diante do olhar de orgulho de tantos familiares e amigos presentes não poderia deixar de enfatizar o quão honrada estou de conduzir esta solenidade. Tenho certeza que este será um dos dias que vocês lembrarão para sempre em suas vidas.”

Alessandra Guimarães disse ainda que “o ingresso nos quadros da Ordem não é uma mera certificação ou autorização profissional, é a possibilidade de se integrar em uma história antiga de luta em prol dos valores da justiça e da democracia”, e concluiu:

“A partir de hoje vocês serão pessoas que representarão a sociedade com ofício de defesa e pacificação. Terão a sabedoria de lidar com a escuta e representarão os valores sociais. Precisamos entender nosso papel no contexto social, mas sobretudo compreender que somos eternos aprendizes.”

Como paraninfa da turma, Rita Cortez destacou:

“Vocês estão recebendo hoje a carteira da Ordem na maior Subseção do país. Fico muito feliz em estar aqui, como paraninfa desta turma de novos advogados e estagiários de Direito”, acrescentando:

“Cumprimento esta mesa, em sua maioria feminina. Há algum tempo isto não existia na OAB. Os cargos de destaque da entidade eram ocupados por advogados. Mas hoje a realidade é diferente. É importante destacar como avançamos”, e citou a política de gênero e paridade.

“Precisamos estimular as cotas raciais, para que haja um processo de inclusão não só no país, mas também na Ordem e em nossas entidades. Destaco o fato de ser ex-presidente, eleita em dois mandatos do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), instituição de Direito mais antiga das Américas, criada poucos anos após a Independência do Brasil, em 1843, num momento em que o país precisava se organizar como um Estado soberano e afirmar valores de nacionalidade. Além disso, era necessário organizar aqueles que iriam dirigir o futuro do novo país, em especial, os advogados. Este ano completamos 179 anos de existência”, ressaltou, lembrando que os primeiros cursos de Direito foram criados em 1827.

“Inicialmente, a tarefa primordial desse Instituto seria a criação da Ordem dos Advogados do Brasil), o que só veio a ocorrer em 1930”, destacou Rita Cortez, aconselhando as novas advogadas e os novos advogados a buscarem novos campos do Direito para atuarem e crescerem profissionalmente.

Estiveram também presentes à solenidade: José Carlos Araújo, diretor social da Afat; Margareth de Oliveira Neves de Mattos, membro do IBDFAM Niterói; Iracema Lugon, delegada da Comissão OAB Mulher, e Alexandre de Almeida, coordenador do curso de Direito da Universidade Anhanguera.

Fotos: @ulissesfranceschiphoto

#advogado #advocacia #oabrj#oabniteroi #esaniteroi #cfoab #caarj